24 de julho de 2017

Aporte Julho/2017

“Somos o que repetidamente fazemos. A excelência, portanto, não é um efeito, mas um hábito.” 
(Aristóteles)

Olá prezados leitores, sejam bem vindos a mais uma etapa da minha jornada financeira, pois é através dos aportes que conseguiremos alcançar os nossos objetivos. É interessante observar como funciona a mente de um investidor amador como eu, estou próximo a alcançar 400K de patrimônio financeiro e fico buscando ativos com menor volatilidade para conseguir cruzar esta "barreira mental".

Estamos começando o segundo semestre de 2017, no qual os resultados das demonstrações financeiras de 2T2017 já começaram a ser divulgados. Busco continuamente melhorar a minha percepção sobre o valuation dos ativos e perceber os possíveis riscos na minha tomada de decisão. Sem mais delongas, o aporte de Julho de 2017 foi:
Aporte Julho/2017

PGBL

Apesar de gradativamente buscar diminuir o percentual da minha carteira em Renda Fixa, me posicionei no PGBL MAPRE CORPORATE RF (CNPJ: 06.081.503/0001-15) pois os papéis prefixados (LTN) terão uma valorização expressiva com a queda dos juros que irá acontecer esta semana. Além disso, busco reduzir a volatilidade da carteira até alcançar os 400k de patrimônio.

Ações

Adicionei mais uma empresa no meu portifolio (BVMF:EGIE3), apesar do valuation esticado esta empresa possui um FCL CAPEX de R$ 1,87 por ação e eu projeto um CAGR de 3,00% nos próximos 10 anos (sendo a média dos últimos 10 anos é de 4,48%). Não é uma barganha mas permite que eu possa balancear com mais risco o restante da carteira.
A outra compra do mês foi (BVMF:ITSA4) que está bem precificada com a compra na participação da Alpagatas (BVMF:ALPA4). Acredito que esta diversificação no ramo do varejo possa agregar valor ao acionista no futuro.

FIIs

Como foi abordado na postagem Proventos x Custos - 1º Semestre 2017, pretendo aumentar os proventos da carteira para possibilitar cobrir os custos de investimentos no exterior. Particulamente, não sou um grande entusiasta de Fundos Imobiliários nesta etapa da minha jornada financeira, pois acredito que as ações permitem um crescimento patrimonial de forma substancial.
Este mês eu consegui comprar o (BVMF:ONEF11), pois este FII possui 0% de vacância e gerou um rendimento de R$ 6,50 por cota com um valor patrimonial de R$ 1.053,33. Os demais aportes foram em (BVMF:HGRE11) e (BVMF:KNCR11).

Apesar de ter realizado uma amortização do financiamento imobiliário de R$ 6.500,00, o total de aporte do mês de Julho/2017 foi de R$ 9.660,94.

Até o fechamento do mês, grande abraço.




27 comentários:

  1. Parabéns AF pelo aporte e pelos 400k.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cowboy,

      Obrigado pela força, ainda não alcancei os 400k não, será só no fechamento de agosto/2017.

      Abraços.

      Excluir
  2. Olá AO,
    Não conhecia seu blog. Vou adicioná-lo no meu blog list e passar a acompanhá-lo.
    Parabéns pelo aporte e 400k atingidos.
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bons Dividendos, obrigado pela visita.

      Já adicionei vc na blogroll também, ainda estou perto do 400k mas só irei ultrapassá-lo em agosto/2017.

      Abraço

      Excluir
  3. Parabéns Aportador!

    E que venha os 500k!

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Investidor Inglês,

      Acredito que todo esforço será recompensado.

      Abraços

      Excluir
  4. Também gosto de empresas boa geradora de caixa.
    Lucro e geração de caixa são duas coisas muito importante e ambas devem ser analisadas

    Estou fazendo uma sondagem sobre Quantas Ações diferentes devo ter na Carteira, se poderem passem lá para votar

    Abraço e bons investimentos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dinheiro Investimento e Lazer,

      tenho gradativamente refinando a minha estratégia na renda variável. Em relação ao número de ações na carteira, eu acredito que é o número de empresas que você consegue analisar de perto. Acho que de 10 a 15 empresas no máximo, irei passar lá no seu blog para incrementar o debate.

      Grande Abraços.

      Excluir
  5. Super aporte em Aportador. Continua fazendo jus ao nome! :D
    Parabéns!

    Rumo aos 400k, tá pertinho agora.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Investidor Online,

      Obrigado pela força, seguiremos sempre em frente!

      Abraços.

      Excluir
  6. O cara não brinca em serviço, é realmente "O Aportador", parabéns meu caro!
    Continue firme, logo logo esses 400k serão ultrapassados!

    Muito sucesso e forte abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OLá FPI,

      Espero poder continuar que esse ritmo de aportes, é realmente reconfortante acompanhar o crescimento patrimonial atraǘes de um blog de finanças.

      Obrigado pela força, grande abraço.

      Excluir
    2. Nem me fale, no último ano meu patrimônio aumentou em 30% em "valores brutos", é incrível, considerando que minha capacidade de aporte é bastante limitada.
      Tá difícil eu ver os 300k no horizonte, mas vamos nessa.

      Sucesso

      Excluir
  7. Aportador, parabéns pelos aportes! Jajá está independente financeiramente! :)

    Só não entendi o racional da aplicação em PGBL.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá André,

      Eu estou em busca do equilíbrio entre aproveitar a vida e aportar consistentemente, desenvolvendo habitos simples sem restrições, fazendo viagens para diferentes destinos no exterior. Eu aprendo bastante com as postagens do seu blog.

      A minha estratégia com o PGBL está descrita aqui: https://oaportadorfinanceiro.blogspot.com.br/2017/02/estrategia-ideal-com-pgbl-e-tesouro.html

      No meu planejamento anual eu estipulo um aporte de 10k em PGBL contando com o reinvestimento da restituição do IR. Este 10k me possibilita um aumento de R$ 2750,00 na restituição do ano que vem. A maior parte dos aportes irão para o VERDE AM ICATU PREVIDENCIA FIC FIM PREV que possui um desemplenho melhor que o CDI.
      Pretendo gradativamente diminuir o percentual da carteira em PGBL, pois vejo como um proxy do CDI com as restituições de IR como os "proventos" do PGBL.

      Calculei a Taxa Interna de Retorno do PGBL em http://oaportadorfinanceiro.blogspot.com.br/2016/10/taxa-interna-de-retorno-do-pgbl.html

      Espero que tenha conseguido clarear o meu racional sobre os investimentos em PGBL. Grande Abraço André.

      Excluir
    2. Interessante essa estratégia objetivando aumentar a restituição do IR. Vou dar uma estudada a respeito. Abraço!

      Excluir
  8. Olá Aportador! O aprendizado é mútuo!

    Conferi lá e deixei um comentário! Muito boa a estratégia!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Parabens Aportador,

    Comecei com FIIs mas desanimei um pouco, pois conheci o mercado de ações e reits do exterior. Nao sei se continuo investindo aqui ou foco totalmente la. Sugestões?

    Abraços do BnA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BNA,

      São coisas distintas. Acho legal ter os dois mas confesso que no momento os REIT estão melhores que os FII. Estamos com preços bem altos e o IFIX subiu mais de 10% desde o início do ano.

      Abraço!

      Excluir
    2. Olá BnA,

      Eu acho que os dois são aplicações diferentes e nada nos impede em ter os dois. Os FIIs no Brasil não possuem um longo histórico para avaliar o desempenho em relação aos REITs americanos, além disso a liquidez é muito limitada do mercado de FIIs. Por exemplo: Imagina se um Fundo de Pensão resolve alocar grande parte do seu patrimônio em FIIs? E se resolver desmontar a posição em FIIs?.
      Outro ponto é que nos EUA os REITs podem ser alavancados e gerar um resultado melhor que a renda fixa. Enquanto que no Brasil os FIIs oferecem um pequeno prêmio sobre a renda fixa, mas devem seguir a inflação no longo prazo.

      A ultima postagem do Pretenso Milionário nos trouxe um bom insight (https://mercadoinsensato.blogspot.com.br/2017/07/alocacao-diversificacao-e-correlacao_25.html), no qual a correlação entre ativos muda durante o tempo. Isso significa que devemos analisar continuamente a alocação da nossa carteira para gerar resultados melhores no longo prazo.

      Outro ponto que os REITs oferecem de vantagem é a proteção cambial. Só pra você ter idéia, a vários anos que em Buenos Aires na Argentina o preço dos imóveis é em dólares americanos porque ninguém confia no peso argentino.

      Grande Abraço.

      Excluir
    3. Por isso mesmo, com tanta vantagem em Reits, devo ter desanimado dos FIIs haha

      Sem contar que a documentação dos REITS sao sensacionais, tem website dedicado, tudo organizado e aqui as vezes tem que ficar caçando de vários sites distintos.

      Excluir
  10. Grande Aportador!

    Sobre ITSA, por quê não pegou a ITSA3? Gosto dela, tenho em carteira mas você está ciente que ela tem muita volatilidade né? Eu particularmente tenho ela em carteira até pra fazer um swing trade. ITSA3 ficou um tempo variando de 8,50 até 8,75 e agora tá beirando 9,00 ou seja, ela é boa pra swing. Se der uns 5 a 8% eu vendo, caso não dê, eu continuo com ela por ser uma boa ação. Já pra manter em carteira eu mantenho ITUB3 que o preço ao meu ver estava esticado em relação à ITSA mas ele estagnou e Itaúsa subiu o que aproximou os dois, sendo assim, no momento eu compraria ITUB3.

    Quanto aos custos no exterior, por quê você não cria uma pequena carteira de REIT ou ações? Não seria mais fácil já receber esses pingados em dolar para custear as corretagens e taxas? Você pode criar uma carteira de ações de modo que cada uma pague dividendos em um mês.

    Sobre os 400k, esquece isso kkkkkk logo logo você rompe a barreira do milhão e nem se preocupará mais com isso, vai ficar investindo e escrevendo por hobby.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande BPM,

      Eu compro ITSA4 porque eu pretendo remunerar a minha carteira com venda coberta (vendendo calls) ou comprar mais ações vendendo puts com um determinado preço alvo, sempre remunerando a carteira. Pelo mesmo motivo eu tenho ITUB4 na carteira.
      Eu não tenho interesse em fazer swing trade na minha estratégia, operar com preço não é algo que faz muito sentido pra mim. Prefiro me basear em premissas e hipóteses de investimentos que eu acompanho a cada resultado trimestral. Por exemplo:
      Vejamos ITUB:
      Periodo 1 ano 3 anos 5 anos 10 anos
      CAGR 3,98% 3,88% 11,56% 11,02%
      Enquanto ITSA
      Periodo 1 ano 3 anos 5 anos 10 anos
      CAGR -8,76% 0,08% 11,09% 7,45%

      Nas minhas premissas, a taxa de crescimento de lucro de ITSA é negativa nos próximos anos, mas mesmo aplicando a taxa de desconto de 10% eu consigo ver uma "margem de segurança" ao comprar a 9,00 reais.

      A minha carteira de ETFs no Exterior possui ETF de Ações (NYSEARCA:VTI) e ETF de REITs (NYSEARCA:VNQ) que geram proventos trimestrais e na TD Ameritrade a corretagem é zero. O que está faltando é aumentar o tamanho da minha carteira para cobrir todos os custos, portanto eu devo aproveitar o dolar "barato" para aumentar a minha alocação em ativos gerados de renda em dólar. Sobre fazer stock picking no exterior, eu teria que me dedicar bastante para saber o que fazer. E como Warren Buffet disse: “Diversification is protection against ignorance. It makes little sense if you know what you are doing.”
      Como eu não sei o que estou fazendo, prefiro comprar ETFs.

      Realmente os 400k é uma barreira simbólica, logo será ultrapassada. Manter um blog de finanças tem me ajudado bastante nessa caminhada.

      Grande Abraço meu amigo.

      Excluir
  11. Literalmente fazendo jus ao nome do blog.

    Caminhada promissora rumo a IF, Aportador!

    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Termo Reais,

      Obrigado pela força. Vamos em frente rumo a IF!

      Abraço

      Excluir
  12. Boa. vamos juntos com ITSA4 haha Estou confiante nesse call pros próximos anos.

    abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Dividendos,

      Espero que ela se torna uma Berkshire Hathaway brasileira.

      Grande Abraço.

      Excluir